Recôncavo, Terça , 21 de Maio de 2019
Enquete
Entre Aspas
Seja amor,seja muito amor. E se mesmo assim for difícil ser, Não precisa ser perfeito, Se não der pra ser amor, Que seja ao menos respeito. #CultiveORespeito
  Disse Desconhecido  

Cachoeira: Comarca está sem juiz titular da Vara Cível

Publicada em 09/07/2013 ás 21:15:07

Rodrigo Daniel Silva l Mídia Recôncavo

Há cerca de um ano, a Comarca de Cachoeira está sem juiz titular da Vara Cível, o que resulta num acúmulo de processos nas prateleiras: mais de 4 mil, segundo o escrivão José Raimundo, dos quais 70% estão pendentes de despachos e sentenças.

É de competência da Vara Cível julgar questões que não sejam criminais, como, por exemplo, divórcio, pensão alimentícia, contratos, inventário. O advogado cível e trabalhista Kelvin do Amazonas conta que seus clientes têm se queixado da demora dos processos. “O que eu digo para os meus clientes é a data em que vou dar entrada no seu processo. Quando vai se resolver não tenho a mínima ideia”, declara.

Na Comarca de Cachoeira, o advogado tem processos com até um ano e meio na espera de sentença. “Existe um ditado de Rui Barbosa, famoso no meio jurídico, que justiça tardia não é justiça, passa a ser apenas reparação”, ele salienta.

A situação tem causado prejuízo aos moradores da cidade. É o caso do aposentado Moacir Brito, que, há três anos, ingressou com um processo contra a Empresa Baiana de Saneamento (Embasa). De acordo com ele, a empresa começou a cobrar um valor seis vezes maior do que ele costumava pagar, por isso entrou com uma ação, mas até o momento não obteve resposta da justiça.

Para o promotor de justiça Millen Castro, a falta de juiz acarreta falta de credibilidade do cidadão em relação à Justiça e um sentimento de impunidade.  Ele ressalta, no entanto, que a problemática não se restringe a Cachoeira. “Existem cidades em situação muito mais drástica. No Oeste da Bahia, há comarcas que, há mais de dez anos, estão sem juiz. Na verdade, o problema do serviço público, neste Estado, é muito mais grave: faltam, nos municípios mais distantes da capital, promotores, juízes, delegados, policiais, além de profissionais de outras áreas, como saúde”, destaca o promotor.

 

Por Redação Mídia Recôncavo l Rodrigo Daniel Silva
Related Posts with Thumbnails

Leia Também

20/05/2019
20/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019

Entrevistas
Aniversário da Cidade: Ex-prefeito Antonio Pimentel faz avaliação sobre o cenário político e revela propostas para Governador Mangabeira
Mídia TV
VT - Moderna Gestão e Assessoria
Mural de Recados
Tarsila escreveu para Joseane
"Vdd eu tbm eu quero saber tbm de todas as notícias desses anos que esta acontecendo muitas coisas ai è bom saber das coisas primeiro..."
Joseane Bonfim escreveu para Anderson Bella
"Ola, tudo bem? Sou Joseane Bonfim e estou fazendo uma pesquisa sobre os blogs da região de SAJ, o Midia Reconcavo se encaixa na categoria de Blog?"
Podcast
Spot - Câmara de Cruz das Almas
Escute o Spot da Câmara de Vereadores de Cruz das Almas.