Recôncavo, Terça , 21 de Maio de 2019
Enquete
Entre Aspas
Seja amor,seja muito amor. E se mesmo assim for difícil ser, Não precisa ser perfeito, Se não der pra ser amor, Que seja ao menos respeito. #CultiveORespeito
  Disse Desconhecido  

Bancários param na quinta e agências mantêm opção de serviço

Publicada em 09/07/2013 ás 12:00:52
Mídia Recôncavo l Anderson Bella

Os bancários baianos vão parar na próxima quinta-feira, 11, em adesão ao Dia Nacional de Luta, organizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), quando diversas categorias, em todo o País, interromperão também as suas atividades.

A orientação do Sindicato dos Bancários da Bahia é que a população realize os serviços bancários na quarta, 10, ou na sexta, 12.

A maioria dos atendimentos pode ser feita pelo internet banking ou caixas eletrônicos, como saques, pagamentos e até empréstimos, mas é preciso observar os limites diários para as transações, que variam conforme o banco. 

Na Bahia há 16 mil bancários, 10 mil somente na capital. O presidente do sindicato, Euclides Fagundes, diz que a ideia é que todos parem na quinta-feira. Ao todo, 14 categorias vão suspender as atividades nesse dia, como os trabalhadores da indústria, ferroviários, rodoviários, vigilantes, médicos, professores e servidores municipais, estaduais e federais.

Fagundes acredita que, em alguns pontos da cidade, outras alternativas para a realização dos serviços - como os correspondentes bancários e as agências lotéricas -, poderão fechar. "No Centro, por exemplo, podem não abrir por causa dos protestos".

Uma marcha de trabalhadores vai acontecer a partir do meio-dia, saindo do Campo Grande à Praça Municipal.

PL 4330 - A principal pauta dos trabalhadores em todo o País é o projeto de lei 4330/2004, que trata da terceirização, do deputado Sandro Mabel (PL-GO).

"Queremos forçar a retirada do PL da pauta do Congresso. Esse projeto oficializa a terceirização. Esses trabalhadores já vivem uma relação precária, recebendo baixos salários, sem plano de saúde", diz o presidente da CUT na Bahia, Cedro Silva.

Nesta terça, 9, membros da Central foram ao Aeroporto Luís Eduardo Magalhães para abordar os deputados federais para que votem contra o projeto.

Mas a paralisação da próxima quinta também engloba outras bandeiras como o fim do fator previdenciário; mais investimentos em saúde e educação; transporte público de qualidade; redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais sem redução dos salários; valorização da aposentadoria; reforma agrária; e suspensão dos leilões do petróleo.

Por Redação Mídia Recôncavo l Via Atarde
Related Posts with Thumbnails

Leia Também

20/05/2019
20/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019
19/05/2019

Entrevistas
Aniversário da Cidade: Ex-prefeito Antonio Pimentel faz avaliação sobre o cenário político e revela propostas para Governador Mangabeira
Mídia TV
VT - Moderna Gestão e Assessoria
Mural de Recados
Tarsila escreveu para Joseane
"Vdd eu tbm eu quero saber tbm de todas as notícias desses anos que esta acontecendo muitas coisas ai è bom saber das coisas primeiro..."
Joseane Bonfim escreveu para Anderson Bella
"Ola, tudo bem? Sou Joseane Bonfim e estou fazendo uma pesquisa sobre os blogs da região de SAJ, o Midia Reconcavo se encaixa na categoria de Blog?"
Podcast
Spot - Câmara de Cruz das Almas
Escute o Spot da Câmara de Vereadores de Cruz das Almas.