Educação e Cultura - Mídia Recôncavo
Recôncavo, Sábado , 23 de Junho de 2018
Enquete
Entre Aspas
Seja amor,seja muito amor. E se mesmo assim for difícil ser, Não precisa ser perfeito, Se não der pra ser amor, Que seja ao menos respeito. #CultiveORespeito
  Disse Desconhecido  
Educação e Cultura

 A Universidade Salvador (Unifacs) anulou o vestibular para o curso de Medicina realizado neste domingo (26) após candidatos descobrirem que alguns cadernos de prova tinham as respostas corretas marcadas em negrito. Segundo informações do jornal Correio, ao instituição de ensino confirmou o cancelamento da avaliação na noite desta segunda-feira (27), após um grupo de cinco candidatos protocolarem junto ao Ministério Público do Estado (MP-BA) uma denúncia indicando a suspeita de fraude. “A Universidade Salvador informa que a Consultec, empresa contratada para a elaboração e aplicação das provas de vestibulares da instituição há mais de 25 anos, identificou falhas pontuais na impressão de alguns cadernos de prova, aplicados no Vestibular de Medicina 2018.1”, informou Unifacs. A instituição de ensino anunciou também a data da nova prova. “Como forma de garantir a equidade e a isonomia do vestibular, a Comissão Permanente do Processo Seletivo, a Reitoria da UNIFACS e a Consultec decidiram anular a aplicação da prova realizada no dia 26/11. Com essa definição, uma nova prova será realizada no dia 09/12 (sábado), das 15h às 19h, no mesmo local – Campus Tancredo Neves”. Mesmo com a realização de uma nova prova, o caso será distribuído e investigado. “Nós protocolamos a denúncia e fomos conversar com o promotor e a assessoria dele. Eles pediram fotos da prova, comprovante de inscrição e outros documentos. Se eles não cancelarem a prova, eu irei entrar com uma ação na Justiça”, relatou uma das estudantes, que apontou ainda que a Unifacs e a Consultec foram “mal educados” quando os candidatos entraram em contato e não prestaram esclarecimentos sobre o ocorrido. O gabarito da prova ainda não foi divulgado pela universidade. Antes de confirmar o cancelamento, a Unifacs informou que começou a apurar o caso “tão logo tomou conhecimento da falha ocorrida na impressão de alguns cadernos que integravam o Processo Seletivo do Curso de Medicina” e que a Consultec está efetuando “uma rigorosa análise no processo de produção do material”.

O Ministério da Educação (MEC) realiza neste domingo (26/11) o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) 2017. Os participantes que ainda não sabem onde farão suas provas podem consultar os locais por meio do Sistema Enade. Além de fazer a prova, o participante deve preencher o questionário do estudante – até dia 26 – para obtenção da situação de regularidade no exame. O preenchimento é obrigatório.

Os portões serão abertos às 12h (horário de Brasília) e fechados às 13h. A aplicação da prova terá início às 13h30. O Enade é componente curricular obrigatório dos cursos de graduação e avalia o rendimento dos concluintes dos cursos de graduação em relação aos conteúdos, habilidades e competências adquiridas.

Neste ano, o exame será aplicado apenas para alunos concluintes, ou seja, aqueles que tenham expectativa de conclusão do curso até julho de 2018 ou que tenham cumprido 80% ou mais da carga horária mínima do currículo do curso até o final das inscrições do Enade 2017.

A cada ano, o exame avalia um grupo diferente de cursos superiores, ciclo que se repete a cada três anos. Nesta edição, o Enade vai avaliar os estudantes dos cursos que conferem diploma de bacharel nas áreas de Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Computação, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia de Produção, Engenharia Elétrica, Engenharia Florestal, Engenharia Mecânica, Engenharia Química, Engenharia e Sistemas de Informação; dos cursos que conferem diploma de bacharel e licenciatura nas áreas de Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Ciências Sociais, Filosofia, Física, Geografia, História, Letras-Português, Matemática e Química; dos cursos que conferem diploma de licenciatura nas áreas de Artes.

Foto: Reprodução / A Voz do Campo

 Um ato público nesta quinta-feira (23) marcará os 30 dias de greve dos professores de Teofilândia, na região sisaleira baiana. Por conta da paralisação, cerca de cinco mil alunos estão sem aula. Conforme os docentes, um decreto imposto pelo prefeito Tércio Nunes (PDT) causou perdas de 70,5% nos salários. "Eles andaram propagando em todos os cantos da cidade, dizendo que professor ganha mais de R$ 7 mil aqui. Eu tenho pós-graduação, carreira de 15 anos no município, e meu salário de 20 horas é de R$ 2 mil. Quem tem 44h, nunca chegou a R$ 7 mil", diz a professora Elisângela Lopes de Oliveira, da comissão de negociação, ao Bahia Notícias. Oliveira afirma ainda que não houve diminuição da verba para a educação municipal, o que justificaria algum corte no bolso dos docentes. "Não justifica. Os números mostram que não houve déficit nas receitas do Fundeb [Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação]. A questão é que houve um número exorbitante de contratos desde janeiro deste ano, em uma má administração. Só que os professores não podem pagar por isso", acrescenta. O sindicato dos professores diz que os cortes reduziram o salário base, entre 5% e 20%; e outras direitos, como o quinquênio, de 5% a 20%; a regência, em 20%; o AC [Atividade Complementar], em 7,5%, e a gratificação por deslocamento, em 3%. "O prefeito feriu a Constituição, o Plano de Carreiras do Município e a LDB [Lei de Diretrizes e Bases da Educação]”, brada a professora. O ato público desta quinta contará com caravana de docentes de outros municípios convocados pela APLB regional.

Foto: Leitor BN / WhatsApp

 Um teto de uma escola na zona rural de Piritiba, no Piemonte do Paraguaçu, veio abaixo. O fato causou um susto nos estudantes, a maioria crianças, professores e funcionários que iniciavam as atividades. Segundo informações recebidas pelo BN, um funcionário da escola abriu a porta de uma sala, quando o teto de gesso caiu. O caso ocorreu em uma escola do povoado do Sumaré. Não há registro de feridos. Na hora do incidente, as crianças ainda estavam no pátio, aguardando o momento de entrar na sala. Segundo moradores, a escola, recém-construída e inaugurada pelo ex-prefeito Ivan Cedraz, apresenta diversos problemas. Com o custo de quase R$ 1 milhão, a unidade, que foi anunciada como “modelo”, foi entregue sem a construção dos muros e sem calçamento de entrada. Logo após a queda do teto, as salas da escola foram interditadas. 

Fonte: Bahia Moticias 

 Uma professora da Universidade Federal da Bahia (Ufba) foi ameaçada de morte, recentemente, por conta do teor de pesquisas que desenvolvem dentro da instituição. Além da docente, uma aluna do mestrado também foi ameaçada dias antes da apresentação de sua dissertação.

Parte dos casos foi denunciada pelo reitor da universidade, João Carlos Salles, nesta segunda-feira (20), quando divulgou uma moção de repúdio contra os ataques, a maioria deles feita através das redes sociais.

No comunicado, o reitor se manifesta contra “a opressão diante das tentativas de cerceamento de todo um campo de produção do conhecimento científico”, a qual ele atribui a uma onda de conservadorismo no país.

“Em episódios recentes, verificamos ameaças de morte e outros tipos de violência contra uma de nossas docentes, pesquisadora do Neim; a tentativa de impedimento de defesa de uma dissertação de Mestrado de aluno do IHAC (Instituto de Humanidades, Artes e Ciências), tendo que solicitar a segurança da própria Universidade; e a perseguição e ridicularização nas redes sociais de projetos de pesquisa e extensão que versam sobre essas temáticas”, destaca o reitor, em nota.

A professora citada, que teve o nome preservado pela instituição, recebeu as ameaças por desenvolver pesquisas relacionadas à divisão sexual do trabalho. Os ataques contra ela ocorrem há cerca de um mês. Além de lecionar, a vítima é pesquisadora do Núcleo de Estudos Interdisciplinares sobre a Mulher (Neim), grupo de estudos sobre gênero e sexualidade vinculado à graduação de Ciências Sociais.

De acordo com a assessoria da Ufba, a instituição tem tomado todas as providências para garantir a segurança dos envolvidos e a realização dos eventos científicos, aumentando, inclusive, a segurança nos locais em que a professora ministra aulas.

Ação na justiça

Segundo Maíra Kubik Mano, uma das 15 pesquisadoras do Neim, as mensagens são provenientes de diversos perfis em redes sociais. Ainda não se sabe, no entanto, quem estaria por trás das publicações. Por conta da situação, o núcleo pretende mover uma ação judicial contra os ataques que a servidora vem sofrendo.

O caso está sendo acompanhado pela Procuradoria Federal junto à Ufba, que recomendou que a professora prestasse queixa na Polícia Federal. Provas estão sendo reunidas para que, posteriormente, possam ser apresentadas à polícia.

Ainda segundo Maíra Kubik Mano, os ataques têm relação com a linha de pesquisa da vítima e à onda de conservadorismo que ocorre no país. “Essas ameaças estão diretamente vinculadas à questão da legitimação dos nossos estudos de gênero. Acho que esse ataque tem relação também com o que o nosso país tem vivido, revelando um nível de ódio impressionante, algo chocante que mostra como as pessoas estão fazendo uma associação muito rasa”, considera.

Ainda de acordo com ela, as pesquisadoras que expõem os resultados de suas pesquisas em encontros e debates se tornam mais vulneráveis a esse tipo de ataque.

Fonte:Correio

 

Foto: Mídia Recôncavo

A Câmara Municipal de Cruz das Almas realizou na noite desta segunda-feira (20) uma Sessão Solene em comemoração ao Dia da Consciência Negra, fazendo com que esse momento fosse de conscientização e reflexão sobre a importância do povo africano na identidade cultural brasileira, onde cada vereador prestou homenagens a alguns cidadãos cruzalmenses entregando a Comenda Zumbi dos Palmares.

O prefeito Orlandinho falou sobre o sofrimento que o povo negro passou e vem passando e as lutas cotidianas contra o racismo. “Quem é negro nesse país sabe que existe racismo sim, quem é de famílias de negros e negras sabem desse sofrimento de discriminação, de falta de oportunidade. E foi a partir do nosso governo em 2005 que conseguimos construir e instalar momentos como esse e foi a partir do nosso governo que duas comunidades de Cruz das Almas foram reconhecidas como Comunidades Quilombolas. Espero que essa luta continue para combater essa forma tão estupida de discriminação”, disse.

“Para nós vereadores de Cruz das Almas essa é uma data magna, onde pudemos homenagear celebridades negras de vários seguimentos como pai de santo, capitão da polícia militar, professor, ex-vereadores e outros. Desta forma, eu acho que isso nos dá o contentamento de saber da igualdade racial. Então é essencial falar sobre a importância do negro não só na data do dia 20 de novembro, mas em toda a sua história, todo seu convívio no município ele tem o seu espaço”, ressaltou o presidente da Câmara, Renan de Romualdo.

 

Veja a lista dos vereadores e seus homenageados:

 

Foto: TV Globo/Reprodução
Fachada da Escola Classe 8 do Cruzeiro, no Distrito Federa

 Um aluno de 8 anos desmaiou de fome, nesta semana, enquanto assistia à aula em uma escola do Cruzeiro, no Distrito Federal. A criança mora no Paranoá Parque, um empreendimento do Minha Casa, Minha Vida. Como não há colégio público no local, as 250 crianças do condomínio percorrem 30 quilômetros, todos os dias, para frequentar a escola.

"A gente chamou o Samu. Quando o Samu chegou e fez o atendimento, e viu que era fome, até o rapaz praticamente chorou", conta a professora Ana Carolina Costa, que dava aula para a criança que sofreu o desmaio.

"A gente se sentiu impotente. Como uma criança desmaia de fome?"

Em nota enviada à TV Globo, a Secretaria de Educação disse "lamentar" o caso do estudante, e informou que não oferece almoço às crianças porque não há ensino integral na unidade. A reportagem insistiu e, em uma nova resposta, a pasta disse que vai "reavaliar" a situação.

No comunicado, a secretaria diz que fornece um "lanche" a cada turno – segundo funcionários, a merenda é composta por biscoito e suco, na maioria das vezes.

Fome e pobreza

De acordo com a equipe da Escola Classe 8 do Cruzeiro, a reclamação de fome é comum entre os alunos. As aulas acontecem à tarde mas, por causa da distância e do número de paradas, muitas crianças saem de casa às 11h, e passam o horário de almoço no transporte escolar do governo.

Como as famílias têm renda baixa, muitos desses alunos saem sem almoçar. Segundo Ana Carolina, boa parte das crianças nem tem o que comer em casa, e vão à escola contando com a merenda.

"Ficam dispersos, não prestam atenção. Eles falam: 'tia, tô com fome.' [...] A escola faz o que pode, chama a família, o Conselho Tutelar, não é omissão da escola", diz a professora.

O lanche citado pela Secretaria de Educação é fornecido por volta das 15h30, no recreio das aulas da tarde. Após recobrar os sentidos, a criança que desmaiou em sala de aula contou aos médicos do Samu qual tinha sido a última refeição: um prato de mingau de fubá, comido no dia anterior.

Pedido de exceção

Os professores da Escola Classe 8 dizem ver sentido na alegação da Secretaria de Educação – que oferta almoço apenas para crianças em turno integral, que passam o dia nos colégios –, mas pedem que uma exceção seja aberta a esses alunos, em razão do trajeto e da condição social.

"O que a escola precisa é que seja ofertado um complemento. A gente não vai alimentar essas crianças com biscoito", diz a professora Fabiane Rios.

A reclamação é encampada pelo Sindicato dos Professores (Sinpro-DF), que diz já ter enviado contestação ao governo sobre o caso. "Já pedimos diversas vezes para oferecer almoço e lanche para essas crianças. Como elas vêm de muito longe, não dá para ficar só com o lanche parcial", diz o diretor da entidade, Samuel Fernandes.

Das 250 crianças que saem do Paranoá Parque rumo à escola do Cruzeiro, quatro são filhos da dona de casa Jeane de Amorim. Desempregada, ela diz que enfrenta problemas, diariamente, para alimentar as crianças.

"Quando tem arroz com feijão, alguma mistura, eu ponho para eles, mas quanto não tem, eles vêm com fome, porque eu confio que a escola tem o lanche. É difícil."

Por que tão longe?

Durante a apuração, a TV Globo também questionou a Secretaria de Educação sobre a necessidade de enviar essas crianças para um colégio a 30 km de distância. A pasta não quis conceder entrevista, mas informou, em nota, que existe previsão para construir escolas no Paranoá Parque e no Itapoã, mas "não há disponibilidade financeira imediata para essas obras".

Os terrenos já foram separados, e uma dessas escolas já tem até projeto pronto. Agora, a secretaria diz aguardar "dotação financeira", ou seja, dinheiro para colocar a obra em pé. A pasta diz que, ao todo, 730 crianças usam o transporte escolar público para sair do Paranoá Parque e chegar a escolas em outras regiões.

"A Secretaria acrescenta que 84 crianças que estão cursando o 5º ano no Cruzeiro, irão cursar o 6º ano nos Centros de Ensino Fundamental 03 e 05 do Paranoá, em 2018", diz a nota.

Fonte:G1

Margarida Neide | Ag. A TARDE

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou o gabarito oficial das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017, realizadas nos dias 5 e 12 de novembro. Com o gabarito, os candidatos podem saber quantas questões acertaram.

 

Correção das provas

A correção das provas é feita usando a metodologia da Teoria de Resposta ao Item (TRI), em que o valor de cada questão varia conforme o percentual de acertos e erros dos estudantes naquele item.

Dessa forma, um item em que grande número dos candidatos acertarem será considerado fácil e, por essa razão, valerá menos pontos. Já o estudante que acertar uma questão com alto índice de erros ganhará mais pontos por aquele item.

Por isso, não é possível calcular a nota final apenas contabilizando o número de erros e acertos em cada uma das provas. Dois candidatos que acertarem o mesmo número de questões podem ter pontuações diferentes. O estudante só tem como saber a nota final no Enem quando o resultado sair.

A correção é feita por meio de um sistema de reconhecimento no qual a Fundação Getulio Vargas e a Cesgranrio extraem os dados com as respostas das questões objetivas de cada participante, durante a etapa de digitalização. Por isso, é imprescindível que o preenchimento do cartão-resposta tenha sido realizado com caneta esferográfica de tinta preta.

O Boletim de Desempenho deverá ser disponibilizado aos participantes em 19 de janeiro de 2018.

 

 Fonte: A Tarde

Foto: Divulgação

SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA 2017 - CMC

A Câmara Municipal da Cachoeira promove a Semana da Consciência Negra entre os dias 20 a 22 de novembro, com uma programação voltada para discussões acerca da resistência, das dificuldades enfrentadas durante séculos (e até hoje), enfatizar os direitos sociais adquiridos e a busca por novos, a cultura em evidência e a luta de um povo que almeja por justiça. Você é nosso convidado especial! 

 

Confira programação completa:

 

20 de novembro - Mesa de Debates:

 

09h - Discriminação e preconceito na sociedade atual. 

Saúde da população negra: um olhar atento para anemia falciforme.

 

Fábio Batista

Yalaxé Juçara Lopes Santos Pontes

Caliane Suzart - Mediadora

 

21 de novembro - Mesa de Debates:

09h - Políticas Públicas para negros, povos de comunidades tradicionais e de matrizes africanas.

Economia Sustentável: Kaonge, um caso de sucesso.

 

Ananias Neri Viana 

Maria das Graças Silva de Brito (Maria de Totó)

Lucio Neri - Mediador

 

22 de novembro - Mesa de debates:

09h - Valorização dos Grupos Culturais de Cachoeira

 

Ney Pontão (a confirmar)

Valmir da Boa Morte

Jomar Lima - Mediador

 

11h - Apresentação Cultural: 

Rádio Quilombo - Uma experiência na Bacia do Iguape

 

19h - Sessão Especial em homenagem aos 59 anos do Samba de Roda de D. Dalva

 

Oradora: Any Manuela Freitas (Neta de Doutora Dalva Damiana de Freitas)

 

Credenciamento da Imprensa e Maiores informações:

E-mail: ascom.camaradecachoeira@yahoo.com.br

Telefone: 34251018 ou (75) 9 92162261

 

ASCOM

Foto: Arquivo Pessoal
Garota usa bomba eletrônica de insulina para tratamente da diabetes

 A estudante baiana, de 15 anos, que foi impedida de fazer a prova da primeira fase do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), por conta do uso de uma bomba eletrônica de insulina, conseguiu autorização do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para fazer a segunda etapa do exame, realizada neste domingo (12). A estudante faz um tratamento para diabetes.

Conforme a mãe da garota, que preferiu não se identificar, o Inep entrou em contato com a estudante durante a semana e, neste domingo, pouco antes da prova, confirmou a autorização, por telefone. "Hoje pela manhã, 10h45, ligaram para dizer que ela estava autorizada [a fazer a prova]. Como moramos perto do local de prova, e ela já estava aguardando essa resposta, deu tudo certo", relatou a mãe da adolescente.

Neste domingo ela foi fazer a prova no mesmo local onde foi barrada, no Colégio Perfil, no bairro de Vilas do Atlântico, Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador. A irmã da garota, que tem 18 anos, também presta o exame no mesmo local.

Em contato com o G1, o Inep disse que a jovem que usa a bombinha de insulina solicitou a autorização para fazer o exame com o equipamento, após o ocorrido na primeira fase. Ainda conforme o Instituto, a estudante deve fazer a prova de linguagens e redação, aplicada no domingo (5), na reaplicação, prevista para dezembro deste ano.

 

Fonte:G 1

Entrevistas
Organizadores do “Bloco As Muriquetes” falam sobre a expectativa deste evento que vem animando os muritibanos a cada ano
Mídia TV
VT - Moderna Gestão e Assessoria
Mural de Recados
Tarsila escreveu para Joseane
"Vdd eu tbm eu quero saber tbm de todas as notícias desses anos que esta acontecendo muitas coisas ai è bom saber das coisas primeiro..."
Joseane Bonfim escreveu para Anderson Bella
"Ola, tudo bem? Sou Joseane Bonfim e estou fazendo uma pesquisa sobre os blogs da região de SAJ, o Midia Reconcavo se encaixa na categoria de Blog?"
Podcast
Spot - Câmara de Cruz das Almas
Escute o Spot da Câmara de Vereadores de Cruz das Almas.