Educação e Cultura - Mídia Recôncavo
Recôncavo, Sábado , 18 de Novembro de 2017
Enquete
Entre Aspas
Seja amor,seja muito amor. E se mesmo assim for difícil ser, Não precisa ser perfeito, Se não der pra ser amor, Que seja ao menos respeito. #CultiveORespeito
  Disse Desconhecido  
Educação e Cultura
Foto: Reprodução

 A Advocacia Geral da União (AGU) entrou com ação junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) para recorrer de uma decisão judicial que suspendeu a regra do Enem que determinava a anulação da prova de quem incluir trechos com desrespeito aos direitos humanos na redação. De acordo com a assessoria de imprensa da AGU, o recurso será analisado pela presidente da Corte, Cármen Lúcia, durante o plantão. A redação do Enem será aplicada já neste domingo (5). A ação foi encaminhada em nome do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), ligado ao Ministério da Educação (MEC). A decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) que impede a anulação de provas que desrespeitem os direitos humanos foi divulgada na última quinta-feira (26), como resposta a uma ação civil pública movida pela Associação Escola Sem Partido. O pedido argumenta que a regra para zerar a redação em caso de desrespeito aos direitos humanos não apresenta critério objetivo e tem "caráter de policiamento ideológico".

Foto: Reprodução

 Os estudantes que vão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) devem ficar atentos ao material que precisam levar no dia da prova e ao que não é permitido durante a aplicação do exame. No dia da prova, é obrigatório apresentar um documento oficial de identificação com foto.

O documento pode ser a carteira de identidade, carteira de motorista, carteira de trabalho, carteira de reservista ou passaporte. A carteira de estudante não será aceita como documento oficial. Também não serão aceitas cópias, nem mesmo as autenticadas.

Se o candidato perdeu ou teve o documento roubado, deverá apresentar um boletim de ocorrência expedido por órgão policial há, no máximo, 90 dias do primeiro domingo de aplicação do Enem – dia 5 de novembro.

Para fazer as provas, a redação e preencher o cartão de respostas o candidato terá de usar caneta esferográfica de tinta preta, fabricada com material transparente. Outra cor de tinta impossibilita a leitura óptica do cartão de respostas.

O cartão de comprovação de inscrição, que deve ser impresso na página do Enem, não é obrigatório, mas é recomendável levar para ter acesso mais fácil a dados como o local e a sala da prova. Quem precisar comprovar sua presença na prova, para apresentar no trabalho, por exemplo, deve levar a declaração de comparecimento impressa e colher a assinatura do coordenador no dia da prova. O formulário está disponível na Página do Participante.

Lanches são permitidos, mas os alimentos industrializados, como biscoitos, salgadinhos e iogurte precisam estar com as embalagens lacradas. Todos serão vistoriados antes do ingresso na sala.

Itens proibidos

Não é autorizado o uso de celular ou de qualquer aparelho eletrônico durante as provas. Os aparelhos terão de ser colocados em um porta-objetos com lacre, que deverá ficar embaixo da cadeira até o final das provas.

O candidato também não poderá usar lápis, lapiseira, borrachas, livros, manuais, impressos, anotações, óculos escuros, boné, chapéu, gorro e similares e portar armas de qualquer espécie, mesmo com documento de porte. Se estiver com um desses objetos, eles deverão ser colocados no porta-objetos.

Atenção

Neste ano, pela primeira vez será usada a prova personalizada, com os cadernos de questões e o caderno de respostas identificados com nome e número de inscrição do participante. Ao receber a prova, o candidato deverá verificar se o caderno de questões e o cartão de respostas têm a mesma quantidade de itens, se o nome está correto e se não há defeito gráfico.

O aluno poderá deixar o local duas horas depois do início da prova. Só é possível sair com o caderno de questões nos últimos 30 minutos antes do fim das provas.

Segurança

Neste ano, serão usados 67 mil detectores de metal durante o Enem, um para cada 100 participantes. Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), esse número garante a vistoria dos participantes na entrada e na saída de todos os banheiros das 13.632 coordenações de local de aplicação. Neste ano também serão usados detectores de ponto eletrônico.

Itens Proibidos no dia da prova:

    Lápis

    Chaves

    Livros

    Manuais

    Borracha

    Anotações

    Boné, chapéu, viseira, gorro ou similares

    Fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens

    Impressos

    Lapiseira

    Óculos escuros

    Caneta de material não transparente

Dispositivos eletrônicos (calculadoras, agendas eletrônicas ou similares, telefones celulares,smartphonestabletsipodspen drives, mp3 ou similares, gravadores, relógios, alarmes).

Foto: Ilustração

 A partir das 10h de hoje (20/10), os candidatos que vão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste ano poderão consultar o cartão de confirmação da inscrição, que contém informações como o local onde ele fará a prova. O acesso ao cartão pode ser feito na Página do Participante e também no aplicativo do Enem para celular.

Para acessar o cartão é preciso fornecer o número do CFP e a senha cadastrada durante a inscrição no Enem. Além do local de prova, o documento também informa o número de inscrição, a data e hora das provas, a opção de língua estrangeira escolhida e os atendimentos específicos ou especializados, caso tenham sido solicitados.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) recomenda que, após conhecer o lugar onde fará a prova, os candidatos façam o trajeto antes do dia do Enem e verifiquem a distância, o tempo gasto e a melhor forma de chegar, para evitar atrasos no dia da aplicação. Apesar de não ser obrigatório, o Inep sugere que os candidatos levem o cartão de confirmação no dia da prova para para facilitar o acesso às informações de sua inscrição.

O Enem será realizado em dois domingos: em 5 de novembro, serão aplicadas as provas de linguagens, códigos, redação e ciências humanas e, no dia 12 de novembro será a vez das provas de ciências da natureza e matemática. O exame será aplicado em 1.724 municípios, para 6.731.203 inscritos.

Flica reuniu público de 35 mil pessoas durante quatro dias de festa (Foto: Paolo Paes/Divulgação)

A Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica) superou as expectativas e atraiu público recorde de 35 mil pessoas, entre os dias 5 e 8 de outubro, no recôncavo baiano. Como parte da festa, a Fliquinha, que completou cinco edições, também reuniu milhares de crianças em Cachoeira.

Seguindo uma tendência que já foi destacada na Feira Literária Internacional de Paraty (Flip) deste ano, a 7ª Flica se destacou pela presença feminina e negra, que foi vista nos debates e também entre o público.

“O que eu senti foi uma vibração de muita afetividade das pessoas durante as mesas no geral. Uma energia de muita harmonia e com destaque para presença feminina. Foi a Flica mais feminina, especialmente para autoras negras", afirma o curador Tom Correia. "É um local de fala que é natural, cujo mérito é do público feminino, é um local legítimo de espaço", completa.

De acordo com a organização do evento, a Fliquinha teve capacidade de 220 pessoas por cada atração no Cine Theatro Cachoeirano, enquanto o Claustro do Convento do Carmo, onde aconteceram os debates da Flica, 350 pessoas passaram por lá a cada mesa realizada.

Além desses espaços principais, houve programação na Varanda do Sesi, no espaço Livres Livros, Educar para Transformar, Escadaria da Câmara, entre outras manifestações culturais que aconteceram na cidade durante o evento.


Fonte: G1

Segundo dia de Flica 2017 será realizado nesta sexta (Foto: Arte/G1 Bahia)

 O grande homenageado da 7ª edição da Flica, Ruy Espinheira Filho, é um dos destaques da programação desta sexta-feira (6), em Cachoeira, no recôncavo baiano.

Com trajetória consagrada de poeta e prosador, Ruy irá desvendar ao público a obra que o tornou referência a escritores e leitores. Sob mediação de Mônica Menezes, a mesa será às 19h.

Para abrir o dia, a programação irá começar às 10h, com Franklin Carvalho e Maria Valéria Rezende, com a mesa "Memória, obsessões e outras matérias-primas da ficção". A mediação será de Milena Britto.

Já às 15h, Ricardo Lísias e Daniela Galdino vão falar sobre "Intervenções, agitações e desvarios", sob a mediação de Wesley Correia.

Voltada para as crianças, a Fliquinha também tem programação nesta sexta-feira. Confira abaixo:

A “cantação” de histórias, bate-papo com o autor Pablo Maurutto

09:30h às 10:10h

Autor(a): Pablo Maurutto

Mediador(a): Mira Silva

Miau e o Pé de Feijão, bate-papo com os autores Rafael Graça e Marcos Borba e exibição do desenho As aventuras de miau

10:30h às 11:00h

Grupo Pumm apresenta o show Todos P.u.m.m

11:30h às 12:30h

Tudo sobre controle (livro) – Bate-papo com o autor Pedro Duarte

14:30h às 15:10h

Uma Ideia Amalacuda (livro) – Bate-papo com a autora Renata Fernandes

15:30h às 16:00h

O grupo Dona Zefinha apresenta o espetáculo Charfudo

16:30h às 17:30h

Infâncias plurais em tempos de incerteza

19:30h às 20:30h

Fonte: G1 

 O cultivo de ostras Mariquilombo, desenvolvido por marisqueiras de Capanema e Baixão do Guaí, no município de Maragogipe, foi um dos empreendimentos femininos vencedores do Prêmio Consulado da Mulher 2017. A marisqueira e ostreicultora Janete Barbosa esteve em São Paulo para participar da premiação, que aconteceu na terça (26). O grupo de empreendedoras recebeu eletrodomésticos, R$ 10 mil para investir no negócio social, além de dois anos de consultoria.

“A gente vive numa comunidade remanescente de quilombo onde o poder público muitas vezes não chega”, disse Janete durante a solenidade. “Até pouco tempo, a gente não tinha eletrificação, nem como armazenar a nossa mariscagem. A gente tinha que pegar hoje e passar para o atravessador que ia vender o nosso pescado por um valor muito maior. Agora, a gente tem energia elétrica e equipamento para guardar e procurar um mercado mais justo”, completa a vencedora do prêmio.

 

Sobre o cultivo

Mariquilombo é uma das ações da Campanha “Marisqueira com Orgulho, Quilombola para Sempre!”, que vem fomentando a pesca sustentável e o desenvolvimento local. “Com o valor do prêmio vamos comprar o terreno para construirmos a sede do cultivo e isso será um passo importante na consolidação do negócio que vai gerar renda para as marisqueiras”, comemorou Daniel Andrade, coordenador do projeto. A Campanha é uma realização da Rare Brasil, Fundação Vovó do Mangue e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), com apoio da Universidade Federal do Recôncavo (UFRB), Secretaria de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPMBa) e Bahia Pesca.

 

 

Sobre o Prêmio

O Consulado da Mulher é o instituto de ação social da marca Consul que apoia grupos de mulheres empreendedoras. Essa foi a quinta edição da premiação, que todo ano seleciona dez empreendimentos femininos em todo o país. Este ano, foram premiados três grupos na Bahia, e outros sete em Pernambuco, Pará, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Acre, Paraná e Rio Grande do Sul.

 

Fonte: Bahia Noticias 

 Faltando apenas um mês para a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), os estudantes que vão participar da seleção devem aproveitar os últimos dias para revisar o conteúdo e fazer provas anteriores e simulados, sem esquecer de ficar ligado nos noticiários para saber o que está acontecendo no país e no mundo.

Além de solidificar os conceitos, a resolução de simulados e de provas anteriores deve ser a principal estratégia de estudo nesses últimos dias, aconselha o professor de matemática Bruno Vianna, do Colégio Mopi, do Rio de Janeiro. Segundo ele, essa prática faz com que o aluno se acostume com o tempo que terá para analisar e responder a todas as questões no dia do Enem.

“No Enem, o aluno tem que estar preparado para fazer uma prova nos moldes em que ele não está acostumado, pois é muito diferente das avaliações internas que as escolas costumam fazer. Os alunos não têm o costume de resolver 45 questões em um espaço grande de tempo”. Na área de matemática, Vianna diz que os assuntos que vêm aparecendo com mais frequência no Enem são os do ensino fundamental, como geometria plana e proporcionalidade. “Seria bom focar nesses assuntos principalmente”.

O coordenador de biologia do Colégio Sigma, de Brasília, Alessandro Reis, diz que é importante a leitura de temas da atualidade, que são abordados com frequência no Enem. Ele chama a atenção para assuntos ligados à ecologia, como o aquecimento global e os acordos internacionais sobre o clima, que envolvem também as relações internacionais. Outros assuntos da atualidade que podem ser abordados na prova, segundo o professor, são as ocorrências ligadas ao mosquito Aedes aegypti.

Reis também recomenda ao candidato a realização de provas anteriores, para aprender a gerenciar o tempo e identificar dificuldades. “Quando ele pega as provas anteriores para fazer, parte de exames reais e, com isso, ele consegue quantificar o tempo e ver onde encontrou mais dificuldades”.

Para a redação, a sugestão dos professores é analisar provas passadas e trabalhar a compreensão dos temas que já foram propostos. A coordenadora de redação do Colégio Sigma, Carolina Darolt, sugere que os alunos analisem as cinco últimas provas, montando uma estrutura de argumentação, ou seja, analisando qual seria a tese apresentada diante do tema e quais seriam os argumentos. Ela também destaca a importância de o aluno estar atualizado com os noticiários.

Outra dica para os últimos dias é fazer o percurso de casa até o local de prova, para garantir que o candidato saberá chegar ao endereço no dia do Enem, além de ter uma noção do tempo gasto até lá. O cartão de confirmação do Enem estará disponível na página eletrônica do exame a partir do dia 20 de outubro. O cartão informa o local onde cada estudante fará as provas, além do número de inscrição e dos horários.

Neste ano, o Enem será realizado em dois domingos, nos dias 5 e 12 de novembro. A abertura dos portões será às 12h e o fechamento às 13h. O início dos testes será às 13h30, sempre tendo como referência o horário de Brasília.

No primeiro domingo, os estudantes farão testes de ciências humanas, linguagens e redação e terão cinco horas e meia para fazer o exame. No segundo domingo, as provas serão de matemática e ciências da natureza, com prazo de quatro horas e meia.

Estratégia

Para fazer uma prova tranquila, é importante que o estudante tenha uma estratégia para resolver as questões. A dica do professor Bruno Vianna é deixar para o final as perguntas que ele não sabe resolver e priorizar os assuntos que domina.

“Quando esbarrar em uma questão que não domina e não sabe como resolver, ele deve automaticamente pular. Com isso, sobra mais tempo para voltar a essas questões e fazer com mais calma, evitando o nervosismo, porque o que é dele ele já garantiu, e o que vier depois é lucro”, diz. Segundo o professor, o nervosismo durante a prova geralmente é causado por estratégias equivocadas que o aluno costuma adotar.

O resultado das provas do Enem poderá ser usado pelos estudantes em processos seletivos para vagas no ensino público superior, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para bolsas de estudo em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e para obter financiamento pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

 

 O ministro da Educação, Mendonça Filho, anunciou nesta quarta-feira (27/9) que serão usados detectores de aparelhos de ponto eletrônico de ouvido durante a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste ano. Os sistemas antifraude serão usados de forma experimental em alguns locais de prova.

“A gente sabe que, infelizmente, um dos métodos mais utilizados em concursos públicos e na aplicação do Enem é o de pontos eletrônicos. Se a gente tem hoje um equipamento que pode detectar o uso desse tipo de equipamento, a gente vai inibir e, evidentemente, combater esse tipo de fraude”, disse o ministro durante o Encontro Nacional para Alinhamento Operacional do Enem realizado no 4º Batalhão de Infantaria Leve do Exército Brasileiro, em Osasco (Grande São Paulo).

O sistema encontra os aparelhos de transmissão pelo sinal de rede móvel de banda larga, por radiofrequência de wi-fi e bluetooth.

Segundo Mendonça, a partir dos resultados na aplicação das provas neste ano, o uso poderá ser expandido nas próximas edições do exame. “À medida que a aplicação desse tipo de equipamento for validada a partir dessa experiência do Enem 2017, a gente vai aumentar a amplitude”, ressaltou.

Além dos detectores, também será feita a partir deste ano, como medida de segurança, a identificação individual nominal de cada prova. “o rigor em termos de segurança se amplia cada vez mais, inclusive com a identificação individual de cada prova”, acrescentou o ministro. Parte dos locais de avaliação já conta com detectores de metais.

Dois domingos

Pela primeira vez, o Enem será aplicado em dois fins de semana, sendo dois domingos seguidos. A mudança busca, segundo Mendonça, não só dar mais conforto aos estudantes de maneira geral, como enquadrar melhor os candidatos que por razões religiosas não fazem atividades durante o dia aos sábados.

Este ano, o Enem será aplicado em 1.724 municípios, para 6.731.203 inscritos. As provas serão realizadas nos dias 5 e 12 de novembro. A previsão orçamentária é de que a aplicação das provas custe cerca de R$ 90 por candidato.

 O Governo do Estado e a Superintendência de Fomento ao Turismo do Estado da Bahia (Bahiatursa) esperam receber cerca de 30 mil pessoas durante os cinco dias de programação da primeira edição da Festa Literária do Pelourinho, a Flipelô, que foi aberta na última quarta-feira (9) com uma apresentação da cantora Maria Bethânia e segue até o domingo (13).

Com programação gratuita e aberta ao público, a iniciativa é realizada pela Fundação Casa de Jorge Amado, com suporte do Serviço Social do Comércio (Sesc) e apoio financeiro do Governo do Estado, através da Bahiatursa. Serão mais de 60 atividades oferecidas, entre saraus, debates, apresentações musicais, oficinas literárias e outras programações.

“Essa é uma festa muito importante para a cultura do estado, estamos vivendo um momento de muitas festas literárias e valorização de nossa cultura. Temos a Flica em Cachoeira, a Fligê em Mucugê e agora aqui em Salvador com esse evento maravilhoso que o Governo do Estado abraçou de todas as maneiras. O Pelourinho, que é sempre palco de festas importantes, agora também recebe essa festa da literatura”, comemorou a diretora da Fundação Cultural do Estado (Funceb), Fernanda Tourinho.

 Começam nesta segunda-feira (31) as inscrições para o processo seletivo das vagas remanescentes do Programa Universidade para Todos (Prouni). De acordo com o Ministério da Educação (MEC), serão oferecidas 77 mil bolsas.

As inscrições são feitas no endereço http://siteprouni.mec.gov.br/


Neste segundo semestre foram oferecidas 147.492 bolsas na chamada regular, mas quase metade delas acabaram ociosas. Por isso o MEC abre nova seleção com dois prazos distintos.


As inscrições vão até 25 de agosto para os candidatos que não estiverem matriculados em instituição de educação superior.

Já para os estudantes que já estão matriculados em universidades privadas, as inscrições só começam em 30 de outubro.


Quem pode se inscrever

 

Podem se inscrever para as vagas remanescentes do ProUni aqueles que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir da edição de 2010 e obtiveram nota média igual ou superior a 450 pontos, além de superior a zero na redação.


Professores da rede pública de educação básica, no efetivo exercício do magistério e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública, também poderão se inscrever para cursos de licenciatura, independentemente da renda.


Fonte: G1

Entrevistas
Governador Mangabeira: Programa ‘Prefeitura em Movimento’ ganha destaque e coloca município como referência de gestão pública
Mídia TV
VT - Moderna Gestão e Assessoria
Mural de Recados
Marcia escreveu para Midiareconcavo
"Parabens ao melhor de todos os sites da regiao. Eu ja estava com saudades da informação de todos os lugares em primeira mao."
simone escreveu para planejar concursos
"Bom dia, gostaria de uma justificativa da empresa pois, estou tentando a horas realizar minha inscrição no concurso e até o momento não obtive êxito, o que está ocorrendo com o site. Agradeço desde de já."
Podcast
Spot - Câmara de Cruz das Almas
Escute o Spot da Câmara de Vereadores de Cruz das Almas.