Esportes - Mídia Recôncavo
Recôncavo, Sábado , 22 de Setembro de 2018
Enquete
Entre Aspas
Seja amor,seja muito amor. E se mesmo assim for difícil ser, Não precisa ser perfeito, Se não der pra ser amor, Que seja ao menos respeito. #CultiveORespeito
  Disse Desconhecido  
Esportes
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

O atacante André Lima, do Vitória, expressou sua irritação com o revés por 3 a 0 para o Palmeiras, neste domingo (19), no Barradão. O camisa 99 classificou o resultado como “ridículo” e pediu “vergonha na cara” ao time. “Resultado ridículo. Meu retorno... Vim de 12 dias sem fazer nada. Vim para ajudar, tentei, mas o resultado é péssimo, vergonhoso. Temos que tomar vergonha na cara. Não tem jeito”, disse em entrevista à Rádio Metrópole FM. Com o resultado, o Vitória termina a rodada na 17ª posição. A equipe tem 19 pontos em 19 jogos disputados. Um aproveitamento de apenas 33,3%. O próximo jogo do Leão é contra o Flamengo, quinta-feira (23), às 19h30, no Maracanã. Fonte: Bahia Notícias

Foto: Maurícia da Matta

Rubro-Negro voltou a apresentar os mesmos problemas técnicos, não conseguiu emplacar um bom futebol e foi goleado pelo Palmeiras, por 3 a 0, neste domingo (19), no Barradão, em partida válida pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Após a partida, o estreante da noite, o técnico Paulo Cézar Carpegiani, fez um balanço da partida e falou que o time deixou a desejar. "Acredito que todo mundo viu. Realmente deixamos muito a desejar, sob todos os aspectos. Não temos muito o que dizer, todo mundo viu o que ocorreu. Não podemos desmerecer uma equipe que é outro patamar, outro tipo de investimento, que é candidata a meu ver. Acredito que o Palmeiras, se fixar, passa a ser o grande candidato. Já uma diferença, mas a diferença foi muito grande. Encontramos uma equipe apática, sem a compostura que tínhamos que ter. Encontramos dificuldades normais de três dias de treinamento". "Esperava de minha equipe muito mais, mas sou obrigado a reconhecer que a falta de tempo também contribuiu, mas principalmente a falta de ambição, falta de garra, de disposição. Temos que agregar tudo isso. Temos que tirar esse time, ter algo mais. Tem muita gente no departamento médico, e o pior é que não vão voltar. Vai demorar um pouco de tempo. Estamos encontrando dificuldade, mas vamos tratar de superar. Vitória é muito grande. Também estou preocupado", completou o comandante. O comandante revelou que os jogadores não compreenderam bem o que foi passado nos treinamentos. "Não gosto de falar muito em nomes, individualmente. Mas começou o jogo e não era aquilo que treinei. Por isso que libero o treinamento para vocês. Desde o princípio já estava frouxo no meio. Segundo tempo melhorou um pouco. Um paradoxo. Por incrível que pareça, tivemos 58% de posse de bola, mas não criamos. O que me preocupa é essa inconstância, essa falta de entrega, de maturidade, que me passou essa equipe. Isso que me preocupa muito mais do que a parte como time, como equipe". O treinador também falou sobre mais uma goleada. Para ele, a equipe tem que jogar de forma compacta para nçao sobrecarregar a zaga. "Quando não tem uma equipe compacta, estoura tudo em cima da zaga. Se analisar os gols, mérito do adversário, mas tiveram um, dois erros nossos de posicionamento. Mas eles tiveram outras oportunidades. É uma preocupação nossa. Vamos ver o que a gente tem. Amanhã vou ter o coletivo com a base, vamos ver. Fazer uma equipe um pouco mais competitiva para que a gente possa enfrentar o outro adversário com mais ou menos igualdade de condições". Para finalizar, Carpegiani comentou sobre o motivo de ter escolhido Ramon para fazer a função de primeiro volante. "Na realidade, o Ramon não é volante, é zagueiro. Volante, volante mesmo, não tem. Rodrigo não é volante, é segundo homem, teve dificuldade de posicionamento no primeiro tempo. Ele tem que se aperfeiçoar nisso. Muito bom jogador, de força, mas que precisa ter noção melhor do posicionamento. Iniciou o jogo perdido. Você não tinha escolha. Queria ter um volante. O único que tenho está no departamento médico. O volante, volante que nós temos. Tem que ter paciência". Com o resultado, o rubro-negro ocupa a 17ª colocação, com 19 pontos. Agora, o Vitória vai enfrentar o Flamengo, na próxima quinta-feira (23), às 19h30, no Maracanã, no início do segundo turno. Fonte: Bocão News

Foto: Reprodução

O elenco do Vitória voltou ao batente na tarde desta sexta-feira (17), com portões fechados para a imprensa, dando seguimento à preparação para o duelo deste domingo às 16h, contra o Palmeiras, no Barradão, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Paulo Cézar Carpegiani chegou a anunciar em coletiva que não fecharia mais as atividades, mas segundo a assessoria de imprensa, o treinador treinou jogadas ensaiadas e pediu para que o treinamento fosse reservado. Porém a tendência é que o time seja o mesmo que treinou na última quinta-feira (16), com: Ronaldo; Jeferson, Aderllan, Ruan Renato e Bryan; Ramon; Rodrigo Andrade, Yago, Lucas Fernandes e Neilton; Walter Bou. Carpegiani comandou novamente um coletivo, desta vez no campo principal do Barradão, palco do próximo duelo e diferentemente do treino tático da última quinta, nesta sexta-feira o comandante deixou a bola correr e pediu intensidade durante a atividade. O Leão volta ao batente no sábado (18), pela manhã, novamente no Barradão. Fonte: Bocão News

Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (17), às 11h do horário de Brasília, o técnico Tite vai anunciar a sua primeira lista de convocados para a Seleção Brasileira desde a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Em coletiva de imprensa na sede da CBF, no Rio de Janeiro, o comandante da Seleção Brasileira divulgará os jogadores que farão parte dos confrontos amistosos contra Estados Unidos e El Salvador, nos dias 7 e 11 de setembro, respectivamente. O anúncio será transmitido pelo site oficial da entidade. O duelo contra os EUA será em Nova Jersey, com início marcado para as 21h05 (horário de Brasília). Quatro dias depois, a seleção enfrenta El Salvador em Washington, às 21h30 (também de Brasília). As duas partidas marcam o começo do novo ciclo da Seleção Brasileira, de olho na Copa do Mundo do Catar, em 2022. Antes disso, ainda há a Copa América de 2019, que será disputada no Brasil. Na última vez que a Canarinho disputou o torneio dentro de casa, em 1989, acabou campeã, derrotando o Uruguai na final.A comissão técnica de Tite tem viajado por todo o Brasil para observar possíveis convocados para a Seleção. Fica a expectativa para a lista desta sexta-feira. Quem serão as novidades? Quem voltará a ser convocado? Para saber essas respostas, é só ficar de olho no anúncio de Tite. Fonte: CBF

Foto: Reprodução

O Bahia foi derrotado por 1 a 0 pelo Palmeiras e foi eliminado da Copa do Brasil na noite de hoje (16), em partida pelas quartas de final da competição, no Pacaembu, em São Paulo. O gol foi marcado por Dudu, de cabeça, no segundo tempo. Por ter empatado o primeiro jogo em 0 a 0, o tricolor precisava vencer para se classificar para a semifinal.Agora o Bahia volta as atenções para a disputa da Série A do Brasileirão e a Copa Sul-Americana, na qual o tricolor disputa as oitavas de final. No domingo (19), o Esquadrão de Aço enfrenta o Cruzeiro, às 16h, no Mineirão, em Minas Gerais.Fonte: Metro 1

Foto: Divulgação/Palmeiras

Em um de seus melhores momentos no Palmeiras, o centroavante Deyverson recebeu uma péssima notícia. Na quarta-feira, o jogador foi punido com duas partidas de suspensão em julgamento realizado no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva). Deyverson foi enquadrado no artigo que relata “Jogada violenta”. O camisa 16 foi expulso do jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil contra o Bahia, em Salvador, por ter acertado uma cotovelada em Mena, negociado recentemente com o Rancing. Pela suspensão automática, o centroavante já estaria fora do jogo de volta pelo torneio mata-mata, nesta quinta-feira, às 19h15 (de Brasília), no Pacaembu. A primeira partida entre as equipes terminou empatada em 0 a 0. Com isso, um triunfo simples coloca o Tricolor baiano nas semifinais da competição. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis. Fonte: Bocão News

Foto: Reprodução

Real e Atlético de Madrid se enfrentam nesta quarta-feira (15), em Tallinn, na Estônia, pela Supercopa da Europa, um duelo que coloca frente a frente os últimos campeões da Champions e da Liga Europa. Para o time merengue, o jogo marca o início da era pós-Cristiano Ronaldo. Vinícius Júnior, joia brasileira de 18 anos que recém-chegou ao clube, está relacionado para o confronto e pode fazer a sua primeira partida oficial pela equipe. O garoto deve começar o jogo no banco de reservas. A partida começa às 16h (de Brasília).Confira as prováveis escalações: Real Madrid: Keylor Navas, Carvajal, Sergio Ramos, Varane e Marcelo; Casemiro, Kroos e Modric; Asensio, Bale e Benzema. Técnico: Julen Lopetegui. Atlético de Madrid: Oblak, Juanfran, Godín, Giménez e Filipe Luís; Partey, Koke e Saúl; Lemar, Griezmann e Diego Costa. Técnico: Diego Simeone. Fonte: Voz da Bahia

Foto: Reprodução

O piloto espanhol Fernando Alonso, 37, anunciou nesta terça-feira (14) que deixará a F1 após o final desta temporada. Bicampeão mundial pela Renault (2005 e 2006), ele se despedirá da categoria no dia 25 de novembro, no circuito de Yas Marina, no GP de Abu Dhabi. "Depois de 17 anos maravilhosos neste esporte incrível, chegou a hora de seguir em frente. Curti todos os segundos dessas temporadas incríveis e não posso agradecer o bastante às pessoas que contribuíram para que fosse tão especial." Alonso fez mistério nas redes sociais nos últimos dias. Postagens indicavam que um anúncio de sua saída da principal categoria do automobilismo mundial era iminente. "Veremos o que o futuro traz: novos e emocionantes desafios estão por vir. Estou vivendo uma das melhores épocas da minha vida, mas preciso explorar novos horizontes", disse o espanhol, que ainda não confirmou se correrá o Mundial de Endurance (WEC) pela Toyota, ou irá para a Indy em 2019. "Quero agradecer à McLaren. Meu coração estará para sempre com a equipe. Sei que eles retornarão mais fortes e melhores no futuro, e esse poderia ser o momento para que eu volte. Isso me deixaria muito feliz." A equipe inglesa sofre nas últimas temporadas para conseguir um carro competitivo para seus pilotos. "Eu construí tantos ótimos relacionamentos com pessoas fantásticas na McLaren, e eles me deram a oportunidade de expandir meus horizontes e correr em outras categorias. Sinto que sou, mais do que nunca, um piloto mais completo", afirmou. Neste ano, o espanhol completou 17 anos na F-1. A temporada de estreia foi em 2001, pela Minardi. Dois anos depois, correu pela Renault, equipe pela qual conquistou sua primeira vitória na F1-- GP da Hungria, ainda em 2003-- e os Mundiais de 2005 e 2006. No ano seguinte ao bi, se transferiu para a McLaren pela primeira vez. Em 2008, voltou à francesa Renault, depois, acertou com a Ferrari para o campeonato de 2010. Pelo time italiano, foram cinco campeonatos disputados, com direito a três vices e a última vitória na categoria, no GP da Espanha em 2013.  Há três anos, voltou para a McLaren, mas sem bons resultados. Ao todo, já disputou 303 GPs, venceu 32 e fez 22 poles. PERFIL - FERNANDO ALONSO. O piloto espanhol iniciou sua carreira na F1 em 2001, pela Minardi. Sua passagem de maior sucesso foi pela francesa Renault (2003-2006 e 2008), quando venceu os mundiais de 2005 e 2006. Correu também pela Mclaren (2007, 2015-2018) e Ferrari (2010-2014). Fonte: Bocão News

Foto : Divulgação/ECV/Maurícia da Matta

O lateral-esquerdo Bryan lamentou a goleada sofrida pelo Vitória na noite de hoje (12), contra o Grêmio, na partida na Arena do Grêmio. O rubro-negro foi derrotado por 4 a 0 e encostou na zona de rebaixamento. Em entrevista à Rádio Metrópole, o defensor criticou a falha dos companheiros de equipe e reclamou o desempenho da equipe fora de casa. "Não sei explicar. É isso aí. É o elenco que a gente tem e o time que a gente tem. A gente fala a semana inteira, treina a semana inteira para poder chegar fechadinho e não tomar gol, que é o principal. Aí chega dentro de campo e tem falhas individuais que acabam entregando a bola para o Grêmio dentro da arena deles, praticamente entregando os gols. Complica", disse o jogador.  Questionado sobre a falta de bons resultados fora de casa, o jogador destacou que o grupo tem outro ritmo quando joga no Barradão. "Dentro de casa é diferente, o espírito, a vontade e a concentração é outra. Mas chega fora de casa e é outra coisa acabam acarretando em erros fatais", finalizou o jogador. Fonte: Metro 1

Foto: Lucas Uebel / Grêmio

O Vitória foi goleado pelo Grêmio por 4 a 0 na noite deste domingo (12), em Porto Alegre, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Dentro da Arena do Grêmio, Douglas, Jailson, Pepê e Everton marcaram os gols do time da casa. Fonte: Bahia Notícias

Entrevistas
Organizadores do “Bloco As Muriquetes” falam sobre a expectativa deste evento que vem animando os muritibanos a cada ano
Mídia TV
VT - Moderna Gestão e Assessoria
Mural de Recados
Tarsila escreveu para Joseane
"Vdd eu tbm eu quero saber tbm de todas as notícias desses anos que esta acontecendo muitas coisas ai è bom saber das coisas primeiro..."
Joseane Bonfim escreveu para Anderson Bella
"Ola, tudo bem? Sou Joseane Bonfim e estou fazendo uma pesquisa sobre os blogs da região de SAJ, o Midia Reconcavo se encaixa na categoria de Blog?"
Podcast
Spot - Câmara de Cruz das Almas
Escute o Spot da Câmara de Vereadores de Cruz das Almas.