Mídia Recôncavo | Com Anderson Bella
Recôncavo, Quarta , 26 de Abril de 2017
Enquete
Entre Aspas
Não tenho dúvidas de que vamos vencer as eleições em 2014
  Disse Rui Costa, durante solenidade para indicação do seu nome como candidato do PT à sucessão estadual.  
Projeto define as situações nas quais acordos coletivos poderão se sobrepor à lei trabalhista; expectativa é que texto seja votado no plenário da Câmara nesta quarta.

  A comissão especial da Câmara destinada a analisar a reforma trabalhista aprovou nesta terça-feira (25) o parecer do relator Rogério Marinho (PSDB-RN) por 27 votos a favor e 10 contra. O projeto foi encaminhado ao Legislativo pelo governo do presidente Michel Temer e propõe uma reformulação nas regras trabalhistas.

Principais pontos do parecer:

 

  • As férias poderão ser parceladas em três vezes ao longo do ano;
  • A contribuição sindical, hoje obrigatória, passa a ser opcional;
  • Patrões e empregados podem negociar, por exemplo jornada de trabalho e criação de banco de horas;
  • Haverá multa de R$ 3 mil por cada trabalhador não registrado. No caso de micro e pequenas empresas, o valor cai para R$ 800.
  • O trabalho em casa (home office) entra na legislação e terá regras específicas, como reembolso por despesas do empregado;
  • Juízes poderão dar multa a quem agir com má-fé em processos trabalhistas;
  • Gestante pode trabalhar em ambiente insalubre desde que apresente atestado médico comprovando que não há risco para ela ou o feto.

 

Por causa do início da ordem do dia na Câmara, a reunião da comissão foi encerrada sem analisar os 24 destaques apresentados pelos membros do colegiado. Esses pedidos de alteração perdem o efeito e precisarão ser novamente apresentados no plenário, onde serão analisados após a votação do texto-base, se ele for aprovado.

A expectativa do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), é começar a votar a reforma nesta quarta-feira (26), concluindo o processo até quinta-feira.

A reforma define pontos que podem ser fruto de acordo entre empresários e representantes dos trabalhadores, passando a ter força de lei. O relator, porém, incluiu diversas mudanças. (veja os detalhes do relatório ao fim desta reportagem)

Inicialmente, o projeto da reforma trabalhista tinha caráter conclusivo, ou seja, iria direto à apreciação do Senado após aprovação na comissão especial da Câmara, sem necessidade de passar pelo plenário principal da Casa.

Na última semana, porém, os deputados aprovaram um requerimento de tramitação em regime de urgência. Com a decisão, o texto aprovado pela comissão seguirá para o plenário.

Para ser aprovada no plenário da Câmara, a reforma trabalhista precisa dos votos favoráveis da maioria simples dos deputados, ou seja, respeitado o quórum mínimo de 257 parlamentares na sessão, o projeto é aprovado se o número de votos “sim” corresponder à maioria dos votos válidos.

 

Votação

 

No debate da comissão, membros da base aliada argumentaram que o texto moderniza a lei trabalhista. A oposição, por outro lado, criticou a proposta, afirmando que ela retira direitos dos trabalhadores.

A bancada do PSB se mostrou dividida. Na segunda (24), a Executiva Nacional do partido, que comanda o ministério de Minas e Energia, decidiu fechar questão contra as reformas do governo Temer.

O deputado Fabio Garcia (PSB-MT) contrariou a orientação e votou a favor do parecer. O estatuto do PSB prevê punição para esses casos de desobediência.

 

Veja como foram os votos na comissão:

 

– A favor do relatório:

PMDB

 

  • Celso Maldaner (SC)
  • Daniel Vilela (GO)
  • Mauro Pereira (RS)
  • Valdir Colatto (SC)

 

PP

 

  • Jerônimo Goergen (RS)
  • Lázaro Botelho (TO)
  • Ronaldo Carletto (BA)

 

DEM

 

  • Carlos Melles (MG)
  • Eli Corrêa Filho (SP)

 

PRB

 

  • Silas Câmara (AM)

 

PSC

 

  • Arolde de Oliveira (RJ)

 

PTB

 

  • N. Marquezelli (SP)

 

PTN

 

  • Renata Abreu (SP)

 

SD

 

  • Laercio Oliveira (SE)

 

PR

 

  • Luiz Nishimori (PR)

 Na manhã desta terça-feira (25), a Polícia Federal (PF) cumpre seis mandados de condução coercitiva e oito mandados de busca e apreensão em Salvador, Ilhéus e Porto Seguro.

 
De acordo com  PF, a Operação Harpócrates visa desarticular organização criminosa responsável pelo desvio de mais de R$ 1 milhão, originados de recursos públicos federais repassados ao município de Itabela, no sul da Bahia, entre os anos de 2010 e 2012. A verba era oriunda do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e Valorização dos Profissionais de Educação (Fundeb).
 
Ainda segundo a Polícia Federal, as ordens judiciais, expedidas pela Justiça Federal de Eunápolis, visam obter provas materiais dos ilícitos praticados, e estão sendo executadas nas residências dos investigados – políticos, servidores públicos e empresários – e também na sede de duas empresas utilizadas no esquema criminoso.
 
A PF diz que durante as investigações ficou comprovado que os recursos deveriam ser empregados na construção de um prédio destinado à instalação de uma creche/escola de educação infantil em Itabela, dentro do Programa Nacional de Reestruturação e Aparelhagem da Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância), mas acabaram sendo desviados em benefício dos investigados.
 
Os suspeitos serão indiciados pela prática dos crimes de responsabilidade e organização criminosa.
folhapress

 A Segunda Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu nesta terça (25) soltar três presos da Operação Lava Jato. Um quarto preso, o ex-ministro José Dirceu (Casa Civil), vai ter o pedido de liberdade analisado pelos ministros posteriormente.

Os ministros concederam liberdade ao lobista Fernando Moura, João Carlos Genu (ex-assessor do PP) e ao pecuarista José Carlos Bumlai.

Eles já foram condenados em primeira instância, pelo juiz Sergio Moro, mas as apelações ainda não foram analisadas pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), que julga os recursos das decisões de Moro.

Fazem parte da Segunda Turma os ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Celso de Mello, Gilmar Mendes e Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF.

Fachin foi voto vencido nos julgamentos de Genu e Bumlai. Ele também se posicionou contra analisar o pedido de liberdade provisória (habeas corpus) de Dirceu.

No caso de Fernando Moura, a decisão foi unânime pela soltura.

Já no pedido de Genu, foram três votos pela revogação da prisão preventiva e dois contra -Fachin e Celso de Mello.

Genu está na superintendência da Polícia Federal no Paraná. Ele deve ir amanhã para a casa sem tornozeleira eletrônica, de acordo com seus advogados.

DIRCEU
No caso de Dirceu, a Turma decidiu analisar o recurso contra a prisão do ex-ministro apresentado pelos advogados. Ele foi preso em 3 de agosto de 2015. Antes, no entanto, o Ministério Público Federal deverá se manifestar sobre o assunto.

Segundo a reportagem apurou, os ministros poderiam até ter julgado o mérito do habeas corpus se a defesa de Dirceu insistisse, algo que não ocorreu.

Conforme publicado nesta terça-feira (25) na Folha de S.Paulo, há uma grande expectativa na comunidade jurídica em torno do caso de Dirceu. Uma decisão favorável ao ex-ministro é vista como uma sinalização de que o STF estaria disposto a rever as detenções determinadas pelo juiz Sergio Moro.

As decisões favoráveis a Genu e Bumlai já estão sendo interpretadas neste sentido.

Em fevereiro, o ministro Gilmar Mendes havia afirmado que o STF tem "um encontro marcado com as alongadas prisões que se determinam em Curitiba".

Dirceu já foi condenado duas vezes pelo juiz Sergio Moro, que conduz a Lava Jato no Paraná.

Para os investigadores da Lava Jato, Dirceu é um dos responsáveis por criar o esquema de corrupção na Petrobras quando era ministro da Casa Civil, no primeiro governo Lula, e teve papel de comando nesse esquema.

BUMLAI
Os ministros decidiram pela revogação da prisão domiciliar do pecuarista José Carlos Bumlai. Ele foi preso em novembro de 2015.

Ele cumpre pena de 9,1 anos em casa. Está com câncer na bexiga e tem problema cardíaco.

Em novembro, o antigo relator da Lava Jato, ministro Teori Zavascki, converteu a prisão de Bumlai para domiciliar. O ministro Fachin votou por manter esta decisão. Lewandowski acompanhou sua posição.

Mendes, Toffoli e Mello, no entanto, votaram por revogar a prisão domiciliar.

Anderson Bella - Mídia Recôncavo
Ex-Prefeito Antonio Pimentel Pereira é Especialista em Auditoria Governamental

A atual sistemática de transferência de ICMS – Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços aos municípios dentro de cada estado, tem se revelado ao longo dos anos, após a Constituição de 1967, como provocadora de uma fortíssima emigração dos habitantes dos municípios do interior, na direção dos municípios da região metropolitana de cada estado, principalmente de Recife, Salvador, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo. Segundo estudo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) os baianos lideraram as migrações no país durante as décadas de 70, 80 e 90. Foram mais de um milhão de emigrantes somente nos anos 90. Em 2004 o IBGE constatou uma emigração em Salvador em 10 anos de 518. 036 habitantes, quase que a mesma população de Feira de Santana, segundo maior município baiano. Em sua maioria os imigrantes são pessoas vindas dos municípios menores que 50 mil habitantes. Salvador com seus mais de 2,6 milhões de habitantes, distribuídos em apenas 324 Km² sendo a capital brasileira mais densamente povoada, sofre com o acelerado crescimento populacional ano após ano.

Com a atual legislação, os municípios da região metropolitana concentram demasiadamente os repasses de ICMS. Somente Salvador, Camaçari e São Francisco do Conde, segundo estudo da SEI (Superintendência de Estatística e Informação do Estado da Bahia), concentram 43,5% do PIB (Produto Interno Bruto) estadual. Para entender melhor esta desigualdade, 81,2% dos 417 municípios baianos, o equivalente a 338 municípios detinham em 2002, apenas 17,8% do PIB estadual, enquanto 4,8%, ou 20 municípios concentravam 67,2% do PIB estadual.  De outra forma, os municípios do interior, que não têm indústrias, comércio forte e agropecuária desenvolvida, vivem em dificuldades, na pobreza pelo bem da verdade. Mais de 330 municípios dos 417 municípios baianos estão estagnados. No Brasil, dos 5.564 existentes, 4.587 são menores do que 30 mil habitantes, onde a maioria da população vive na zona rural, ficando difícil à cobrança de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), pois o perímetro urbano é diminuto, a cobrança de ISS (Imposto Sobre Serviços) também é irrisória, devido à existência de poucas empresas prestadoras de serviços. Desta maneira, com poucos recursos para as pequenas prefeituras investirem e gerar desenvolvimento, não resta outra saída para essas populações senão emigrar para as regiões metropolitanas.

 Depois de alegar que o adiamento do dia de seu depoimento ao juiz Sérgio Moro, pedido pela Polícia Federal, não era "problema" dele, o ex-presidente Lula resolveu voltar atrás e dizer que está "tranquilo" em relação à oitiva. Durante seminário promovido pelo PT, em Brasília, nesta segunda (24), Lula reforçou que Moro foi o responsável por marcar a data da oitiva, e não ele.

 

"Eu não marquei dia 3. Na hora em que for marcado meu depoimento estarei me Curitiba ou onde quer que seja." Lula disse que, dentre todos, "quem deseja a verdade é o companheiro Lula" e que tem o "direito de falar" em sua defesa. "Faz três anos que estou ouvindo", disse sobre as denúncias contra ele. "Então estou muito tranquilo, não estou preocupado com a data, a data é do juiz Moro", ressaltou.

Lula participa do seminário "Estratégias para a Economia Brasileira - Desenvolvimento, Soberania e Inclusão", promovido pelo PT, no Centro Internacional de Convenções no Brasil (CICB), em Brasília. A mesa redonda com a participação do ex-presidente também conta com os líderes da sigla na Câmara, Carlos Zarattini (SP), e no Senado, Gleisi Hoffmann (PR), além dos governadores do Acre, Tião Viana, e do Piauí, Wellington Dias. Antes do debate, Lula se reuniu por cerca de meia hora com deputados e senadores petistas em uma sala reservada. Logo após o evento, a assessoria de imprensa do ex-presidente informou que ele deve voltar para São Paulo. Conteúdo Diário do Poder

Voz da Bahia

 Equipes da DEPIN (Departamento de Polícia do Interior) se deslocaram até a capital baiana para o cumprimento de prisão e apreensão do acusado de tráfico de drogas na região Bruno De Souza, vulgo ‘Tilápia’ na cidade de Cachoeira. Segundo informações do Delegado Eduardo Coutinho, o suspeito não se encontrava no local indicado e se encontra foragido. Dando continuidade a operação a polícia conseguiu apreender um menor e desarticular um grupo acusado de tráfico. Therry da Silva, Luciano dos Santos e Cleidson Santos Assis foram presos em flagrante. Com o grupo foram encontrados, droga, material para embalagem e comercialização, um case para arma longa e documentos de possíveis vítimas. Todo material foi conduzido e apresentado na Delegacia Territorial de Cachoeira.

Divulgação Policia Civil

Grupo que assaltava estabelecimentos comerciais e veículos foi preso por equipes da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), com sede em Feira de Santana. O delegado André Ribeiro, titular da DRFR anunciou nesta segunda-feira (24), que durante a operação. Cinco pessoas foram presas e cinco carros recuperados.

Equipes da DRFR investigavam roubos praticados a estabelecimentos comerciais em Feira, quando localizaram, na quinta-feira (20), um Corolla, branco, com placa OZJ – 5526, com restrição de roubo, estacionado em uma rua do centro. Os policiais, então, passaram a observar o local.

Mantiveram-se atentos até que Anderson dos Santos e Santos, o Tatinho, Thiago de Souza Suzarte e Leucijohn Santana, o John, se dirigiram ao veículo e foram presos. Dentro do veículo os policiais apreenderam um revólver calibre 38. A partir do flagrante, um por um dos envolvidos nos roubos a estabelecimentos foram sendo presos e carros apreendidos.

a garagem de Leucijohn, os policiais apreenderam um Toyota SW4, placa OZS – 4949, que estava batido. Em seguida, estacionados em diferentes pontos da cidade, foram sendo localizados um Punto OPL – 1254, um caminhão Hyundai H100, placa OZV – 1503, e um Focus, placa OUY – 0933. Os dois últimos roubados na semana passada, em Feira.

O delegado André Ribeiro informou ainda que Tatinho confessou participação nos assaltos à loja SAFTEL, de assistência técnica de celular, e à Indústria de Alimentos Guarany. Nos dois roubos, contou com a participação de Thiago, Juracy Murilo de Jesus Cardoso e Caio Lucas Ferreira, presos já quase no final do dia. A polícia procura por mais envolvidos. Conforme nota da ascom / Polícia Civil. 

 

 

 

 Os pilotos e comissários de voo de todo país decidiram nesta segunda-feira (24), em assembleia, decretar estado de greve para pressionar o governo e parlamentares a fazer mudanças no texto da reforma trabalhista que tramita em regime de urgência na Câmara dos Deputados. Uma nova reunião da categoria está marcada para a próxima quinta-feira (27), quando os profissionais decididirão se paralisam suas atividades ou encerram o movimento.

 
Os aeronautas reclamam principalmente do trecho da reforma que trata do trabalho intermitente, permitindo a convocação apenas para trabalhos esporádicos, sem contratação permanente. Segundo o presidente do Sindicato Nacional dos Aeronautas, Rodrigo Spader, como as empresas aéreas têm períodos de altos e baixos na movimentação, o trabalho intermitente poderia ser aplicado, prejudicando os empregados do setor.
“Nos períodos de baixa nós seriamos dispensados do nosso trabalho e seríamos chamados somente quando a aeronave voasse novamente. Então isso atingiria tanto pilotos de pequenas aeronaves como de grandes empresas.”
 
Segundo Spader, a prática poderia inclusive prejudicar a segurança do transporte aéreo. “Os pilotos e comissários necessitam ter um trabalho contínuo para a manutenção das habilidades técnicas. Se um aeronauta voa um mês e folga outro a todo momento, até os níveis de segurança de voo podem ser afetados”, disse.
 
Justa causa
 
Outro ponto da reforma trabalhista criticado pelos aeronautas é a dispensa por justa causa no caso de perdas de licenças ou certificados. De acordo com Spader, no caso dos pilotos e comissários isso seria um retrocesso. “Justamente em um momento de fragilidade do aeronauta, em que ele perde uma licença, ou por exame médico ou para voar em uma determinada aeronave, ele seria demitido, sem direito ao saque do FGTS [Fundo de Garantia do Tempo de Serviço], aviso prévio”, criticou o presidente do sindicato.
 
A categoria pretende conversar nos próximos dias com o relator do projeto, deputado Rogério Marinho (PSDB-RN), e com outros parlamentares para apresentar emendas que modifiquem o texto da reforma. “Queremos pressionar o governo para efetivamente negociar a reforma”, disse Spader.
 
 
Por Agencia Brasil
Forte na Noticia
Motocicleta utilizada no crime foi roubada em Cruz das Almas

 Na manhã desta segunda-feira (24) um suspeito de 20 anos tombou em confronto com uma guarnição da Polícia Militar, no município de Maragojipe. A troca de tiros aconteceu em um local conhecido como Bambuzal, nas imediações da BA-420, por volta das 7h10. De acordo com a polícia, uma dupla de moto fugia por uma estrada vicinal depois de realizar um assalto a um morador quando se deparou com uma guarnição da PM que tinha sido avisada do roubo. 

 
Ao perceberem a aproximação dos militares, os suspeitos começaram a atirar em direção aos policiais, dando início ao confronto que resultou em um deles baleado. Ferido, o suspeito identificado como vulgo “Pequeno”, chegou a ser socorrido pelos militares e levado para o Hospital Municipal, mas não resistiu aos ferimentos quando recebia atendimento médico. Ainda segundo a Polícia Militar, o comparsa está ferido, mas conseguiu fugir em direção a um matagal.  
 
Com o suspeito os policiais apreenderam uma motocicleta roubada com placa de Cruz das Almas e uma PT 380 (municiada) que tinha sido utilizada no assalto. O material apreendido foi apresentado na Delegacia de Polícia. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Santo Amaro.  Com informações do #ForteNaNotícia
 
Reprodução

 Deputados baianos da base do presidente Michel Temer (PMDB) acreditam que a reforma trabalhista passará pelo plenário da Câmara sem maiores problemas. Embora a oposição tenha comemorado a "derrota" dos governistas na votação do regime de urgência na última terça-feira (18), a avaliação é de que o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM), se equivocou ao encerrar a votação antes de todos votarem.

No plenário da Câmara, os oposicionistas capitalizaram ao afirmarem que o governo perdeu capilaridade. Na base de Temer o que se discutiu foi se o equivoco de Maia foi deliberado ou erro de avaliação mesmo. Lucio Viera Lima (PMDB) acredita no equívoco. Caca Leão (PP) também avalia como ponto pacífico dentro da base. José Rocha (PR) concorda com os dois.

A urgência foi aprovada nesta quarta (19) com 287 votos favoráveis. A oposição bradou dizendo que este é o padrão regimental "Eduardo Cunha" lembrando a votação na qual o ex-presidente e seu grupo foram derrotados e tão logo o resultado foi computado colocou o projeto novamente em votação.

Contou outro deputado baiano da base de Temer que o próprio Maia sugeriu a votação ainda ontem, mas que sabendo do desgaste foi orientado e acatou deixar para hoje.

Sobre o mérito, o destaque dos defensores é a questão acordado sobre o legislado. A oposição vê com maus olhos esta medida afirmando que a perda de direitos é clara. José Guimarães (PT-CE) questionou a necessidade de açodamento da votação. "Corda no pescoço não resolve problema. Não tinha necessidade, politicamente não está correto".

O clima da votação foi beligerante e a promessa é de novas obstruções quando a matéria for levada a o plenário o que deve acontecer na próxima semana. A reforma trabalhista, conforme aliados de Temer, passará sem maiores dificuldades.

 

* direto de Brasília

Felipe Oliveira/EC Bahia

 Depois de confirmar sua classificação para a final do Campeonato Baiano, o Bahia, agora, foca suas atenções para a semifinal da Copa do Nordeste. O duelo será o mesmo da final do estadual, o Vitória.O primeiro confronto está programado para quinta-feira, às 20h30, no Barradão.

 
E pensando nesse encontro, o Tricolor volta aos treinamentos nesta segunda-feira, depois da folga do domingo, e vai trabalhar em dois períodos no Fazendão.
 
O técnico Guto Ferreira vai ter à disposição, praticamente, todo o time. A principal baixa será o lateral-direito Eduardo, expulso contra o Sergipe nas quartas de final da Copa do Nordeste.
 
Na lateral, sem Wellington Silva, o zagueiro Éder deve atuar improvisado, mais uma vez, no setor.
 
A confirmação só deverá ser feita durante os treinamentos que serão realizados nesta semana.
Foto Divulgação PRF

De acordo com a PRF, no início da tarde de hoje, houve uma perseguição a uma caminhonete em que estavam entre oito e dez envolvidos no assalto

Três assaltantes que participaram do mega-assalto à sede da empresa de transportes de valores Prosegur, em Ciudad del Este, no Paraguai, morreram nesta segunda-feira (24) após troca de tiros com agentes das polícias Federal (PF) e Rodoviária Federal (PRF). Segundo a PRF, três veículos usados pela quadrilha, que roubou cerca de US$ 40 milhões na madrugada desta segunda-feira, foram localizados. Ainda não há informações sobre a recuperação de valores.

 

De acordo com a PRF, no início da tarde de hoje, houve uma perseguição a uma caminhonete em que estavam entre oito e dez envolvidos no assalto. Em um trecho da BR-277, no Paraná, os bandidos pararam e iniciaram o confronto. Dois morreram no local, um ficou ferido, foi socorrido, mas não resistiu e morreu no hospital. Os demais conseguiram fugir.

 

Na caminhonete havia um fuzil calibre 762, com 16 munições. Em um dos três veículos abandonados pela quadrilha e localizados por agentes da PRF, havia sete quilos de explosivos

 

O presidente Michel Temer colocou a PF à disposição das autoridades paraguais para a investigação do crime. 

 

Mega-assalto
Na madrugada de hoje, um grupo de aproximadamente 50 pessoas assaltou a sede da Prosegur em Ciudad del Este, na Tríplice Fronteira. Eles conseguiram roubar cerca de US$ 40 milhões (o equivalente a R$ 125 milhões).

 

O dinheiro estava em um cofre que foi aberto com uso de explosivos e fuzis antiaéreos. O jornal paraguaio La Nación informou que o assalto foi liderado por membros da facção criminosa brasileira Primeiro Comando da Capital (PCC), que também atacaram a sede da polícia e do governo. Um policial identificado morreu no enfrentamento com os assaltantes.

foto Divulgaçao

 Apontado pela Secretaria da Segurança Pública (SSP) como um dos criminosos mais procurados da Bahia, Bruno Nascimendo Hereda Biron, 26 anos, foi morto na tarde desta segunda-feira (24) em um tiroteio com a polícia no condomínio Vilas do Jacuípe, na BA-099, na Linha Verde. Segundo a SSP, o bandido reagiu à voz de prisão e trocou tiros com policiais da Força-Tarefa do órgão. Baleado, não resistiu aos ferimentos e morreu. 

com o apelido de Galego,ele entrou na ultima semana no Baralho do crime, no qual era a carta J de Ouros. Ele tinha mandado de prisão por homicídio e tráfico de drogas e respondia ainda por pelo menos oito assassinatos em Salvador. Ele também tinha dois inquéritos abertos por tráfico de drogas.

Galego é apontado como responsável pela movimentação e distribuição de drogas de uma famosa organização criminosa do estado, o BDM. Suas principais áreas de atuação, em Salvador, eram Brotas, Barbalho, Nazaré, Saúde, Barroquinha, Parte do Pelourinho e Subúrbio Ferroviário.

"Bruno Hereda era um dos principais alvos do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa. Sua articulação com o crime gerava vários prejuízos à Segurança Pública. Apesar da pouca idade, era muito violento", diz o diretor do DHPP, José Bezerra.

Galego também era conhecido pela crueldade nos seus crimes e tinha grande influência entre os criminosos de sua organização criminosa, chegando a ordenar crimes de dentro da cadeia. 

Por Correio da Bahia

 

Portal de Paulinea

 Se ser cobrado de uma dívida já é constrangedor, imagine se a cobrança for feita publicamente, através das redes sociais. Foi o que aconteceu com o cantor Belo, mais uma vez. Depois de aparecer em uma foto com Thiaguinho, no Instagram, o ex-Soweto foi cobrado nos comentários, por ninguém menos, que o pentacampeão Denilson. 

 

Ao que parece, a dívida é a mesma, que também foi cobrado publicamente pelo ex-jogador em março do ano passado. Dessa vez, após Belo ser elogiado pelo amigo, Denilson fez uma ressalva. "Mitoooo!! Uma das maiores referências de voz na minha vida.. E que me trata com um carinho absurdo! Parabéns @cantorbelo Que Deus abençoe cada dia mais seu talento e seu enorme coração!! Parabéns!!

 

Autoria: BC

Bocão News

  

Uma mulher morreu em um acidente de moto na BA-526, em Salvador, na manhã desta segunda-feira (24). De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), a vítima, que estava na garupa da motocicleta,  foi arremessada após o veiculo colidir com a mureta do viaduto, localizado em frente ao Salvador Norte Shopping, no bairro de São Cristóvão.
Ainda segundo a PRE, o homem que pilotava a moto ficou ferido, mas não informações sobre o estado de saúde dele. 
 
Por Bocão News
simulação

 Uma nova modalidade de assalto ameaça os usuários de aparelhos celulares do tipo iPhone em Salvador. Se antes eles eram considerados seguros pela possibilidade de travamento após roubos, agora esses aparelhos são o alvo principal dos bandidos. 

Na última quinta-feira (22), a empresária S. estava em uma loja de embalagens na Cidade Baixa, próximo a uma concessionária de veículos, na esquina de um morro, quando um bandido armado invadiu o estabelecimento exigindo apenas os aparelhos.

“Depois do assalto, vimos pelo rastreador que o celular estava a menos de 500 metros da gente. Chamamos a polícia. Os agentes subiram o morro, olharam e desceram. Disseram que não tinham como invadir por não ter reforço, já que ali é uma grande boca de fumo”, conta a vítima.

Já neste sábado (22), uma outra papelaria no Chame-Chame também foi assaltada. Segundo o relato, os bandidosA invadiu o estabelecimento com um estilete e rendeu uma das funcionárias, exigindo o seu celular. Ele também não levou nenhum dinheiro.

Os ladrões revendem os aparelhos para desmanches de celulares, que por sua vez também revendem as peças genuínas por um valor mais barato para outros consumidores. O Grupo Especial de Repressão a Roubos em Coletivos (Gerrc) já conseguiu desarticular algumas quadrilhas, mas estima-se que outras cinco ainda estão em atividade na capital baiana.

 

Autoria: VN

foto simulação

Segundo informações, uma mulher que estavam a pé perdeu sua vida num trágico acidente no km 223 da BR-101, trecho de acesso para a comunidade da Baixa de Toquinha (zona rural de Cruz das Almas). Fato ocorrido na noite deste domingo (23/04). A vítima morreu no local após ser atropelada por uma motocicleta. O motociclista ficou no local bastante ferido devido a violência do impacto com a vítima fatal indentificada como Marlene Souza dos Santos de Jesus, uma evangelica moradora da Toquinha.


O motociclista foi socorrido por uma equipe do SAMU/192 e encaminhado para a UPA da cidade.

O corpo de Marlene foi removido horas depois para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Santo Antônio de Jesus.

Os dois trechos da rodovia ficou parcialmente congestionado por conta da movimentação de curiosos, sendo controlado inicialmente por Policiais Militares até a remoção do corpo.
FOTO INSTRAGAM

 Em meio às diversas homenagens ao craque argentino, Lionel Messi, após o feito histórico de 500 gols com a camisa do Barcelona, uma em especial acabou roubando a cena. Conhecida como “Miss Bumbum”, a brasileira Suzy Cortez, que é fã declarada do jogador e da equipe da Catalunha, sensualizou no clique para parabenizar Messi. 

Na foto, a modelo posou com o uniforme do time e o desenho no glúteo da marca alcançada. “Parabéns ao queridíssimo Messi melhor jogador do mundo pelos 500 gols pelo melhor time do mundo”, diz a legenda. No ano passado, após outros tantos episódios mais “apimentados”, o futebolista e a esposa bloquearam Suzy nas redes sociais.

O tento foi alcançado neste último domingo (23), após o argentino anotar o último gol do clássico contra o Real Madrid, que garantiu a vitória e a liderança do Espanhol, pelo placar de 3 x 2.

 

reproduçao

 Técnicos do Banco Central estão preocupados com a repercussão dos acordos da Odebrecht no caixa dos bancos brasileiros. 

A empreiteira, dona de uma dívida na casa dos R$ 100 bilhões, fechou acordos de leniência que podem chegar a 10% desse total. O problema é que está sem faturar, sem crédito e com dificuldade para vender ativos. A informação é da coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo.
Reproduçao/ Istoé

 Se ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fosse condenado por todos os crimes pelos quais é acusado na Justiça, ficaria de 519 a até incríveis 1.795 anos na cadeia, de acordo com a revista Istoé. Segundo a publicação, usando o mesmo critério, o ex-presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB-AL), poderia amargar até 247 anos na prisão. Sua pena mínima seria de 60 anos. Já o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), não ficaria menos do que 39 anos no cárcere, podendo alcançar 170. Um grupo multipartidário de cinco expoentes políticos analisados por ISTOÉ não registra cifras menos assustadoras. Somadas, suas penas podem variar de 678 anos a fenomenais 2.527 anos no xilindró.

 
O cálculo é hipotético pois, no Brasil, ninguém fica mais de 30 anos na prisão. Mas o turbilhão Odebrecht aumentou em muito o tamanho do risco jurídico-emocional que corrói a classe política, cujo encalço é vigiado pela Polícia Federal e pelo Ministério Público. O levantamento feito pela reportagem de ISTOÉ inclui o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha (PMDB), um dos principais auxiliares do presidente Michel Temer. Se implicado por todos os crimes, Padilha, correria o risco de pegar uma pena de 67 anos. O mesmo cálculo se aplica ao ministro da Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab (PSD), e ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). O ex-ministro e ex-governador José Serra (PSDB-SP), por sua vez, poderia ser condenado a uma pena máxima de 89 anos de detenção. O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), entre 5 e 25 anos.
 
Ainda de acordo com a revista, o presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Roberto Veloso, lembra que são os magistrados, e não os procuradores, quem definirão se os políticos são culpados ou não e qual o tamanho da pena proporcional ao crime que eles realmente cometeram. O levantamento, baseado em inquéritos policiais e denúncias do Ministério Público, mostra que, quanto mais maduros estão os processos, maiores sãos os riscos de temporadas mais longas na prisão. Como Lula tem mais ações penais que os outros, está bem à frente dos colegas. O cálculo não considerou todas as investigações do petista e de Renan, ambos com mais de dez procedimentos criminais na Justiça, mas apenas as denúncias ou os inquéritos derivados das delações da Odebrecht.

Com tranquilidade, principalmente pela vantagem de 3x0 conquistada no jogo da ida, o Bahia voltou a vencer o Fluminense de Feira neste sábado (22), desta vez por 1x0, e se garantiu na final do Campeonato Baiano. Hernane foi o autor do único gol na Fonte Nova.

Agora o tricolor aguarda o vencedor do confronto entre Vitória e Vitória da Conquista, que será definido domingo (23), no Barradão. O rubro-negro classifica com um empate e, em caso de Ba-Vi na decisão, a vantagem de jogar por dois empates também será do Vitória. Se o Vitória da Conquista ganhar, o Bahia terá a vantagem na final.

Na Fonte Nova, o início de jogo foi bastante truncado, com o Fluminense de Feira marcando forte e fazendo muitas faltas. A primeira boa chance de gol aconteceu somente aos 15 minutos, em cobrança de falta de Juninho, que tirou tinta do travessão.

O Bahia tocava a bola até encontrar um espaço para penetrar na forte marcação do adversário. A missão de fazer ao menos quatro gols, que já estava complicada para o Fluminense, ficou ainda mais aos 29 minutos, quando o lateral-direito Edson fez falta dura em Renê Júnior, atingindo o volante tricolor por cima, com o braço, e por baixo, com as travas da chuteira. O árbitro aplicou o cartão vermelho direto. 

O Bahia aproveitou a vantagem numérica e, aos 31 minutos, fez o gol do jogo. Zé Rafael se livrou da marcação e tocou para Hernane, que girou bonito para cima do zagueiro e bateu com categoria no canto de Jair. 

No segundo tempo, Guto Ferreira aproveitou para dar minutos de jogo a Feijão, Maikon Leite e Gustavo. O Bahia continuou melhor na partida, mas não ampliou o placar.

A final do Campeonato Baiano será realizada nos dias 3 e 7 de maio. Antes disso o tricolor tem dois Ba-Vis garantidos pela semifinal da Copa do Nordeste, nos dias 27 e 30 deste mês. O primeiro será no Barradão e o segundo na Fonte Nova. Apesar do Bahia ter feito a melhor campanha na fase de grupos, não há vantagem de empate no Nordestão.


 

ssp/ba

 Um policial viveu um dia de herói ao saltar de um helicóptero e salvar um jovem que estava se afogando na Praia do Porto da Barra, na tarde deste domingo (23). 

A vítima foi visualizada por equipes de do Grupamento Aéreo (Graer) da Polícia Militar que sobrevoavam a região. A aeronave se aproximou do local um dos agentes saltou para efetuar o resgate.

A vítima, que aparentava ter cerca de 20 anos, foi colocada sobre uma prancha com a ajuda de um praticante de stand up paddle. O rapaz estava desacordado e passou por um procedimento de Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP).

 

Uma ambulância do Corpo de Bombeiros foi acionada e levou o jovem para o Hospital Geral do Estado (HGE). Não há informações sobre o estado de saúde dele.

BOCAO NEWS

   O Vitória goleou o de Vitória da Coquista por 5 a 0, neste domingo (23), no Barradão. Com o resultado, a equipe do técnico Argel Fucks garantiu vaga na final do Estadual, onde enfrentará o seu maior rival em dois jogos.

Diferentemente da partida contra o Paraná, o Leão não encontrou dificuldades para despachar o Conquista. No primeiro tempo, a equipe marcou duas vezes e ainda comemorou a expulsão do zagueiro Lúcio – com dois amarelos -. No início da segunda etapa, Paulinho que entrou no lugar de André Lima, ampliou a vantagem. Uillian Correia e Geferson fecharam o placar.

Vale ressaltar que a dupla Ba-Vi disputará a semifinal da Copa do Nordeste e mais dois jogos pelo Brasileirão, uma soma de mais seis clássicos de pura emoção. O primeiro duelo está marcado para a próxima quinta-feira (27), às 20h30, no Barradão, pela competição regional.


FICHA TÉCNICA
Vitória 5 x 0 Conquista

Baianão – Semifinal (Jogo de volta)

Local: Barradão, às 16h.

Arbitragem: Johnn Herbert Alves Bispo, assistido por Alessandro Alvaro Rocha e Adailton José Jesus da Silva (todos da BA).

Vitória: Fernando Miguel, Patric (Leandro Salino), Kanu, Fred e Geferson; Uillian Correia, Bruno Ramires, Euller e Cleiton Xavier (Dátolo); David e André Lima (Paulinho). Técnico: Argel Fucks.

Vitória da Conquista: Rodolfo, Fieta, Lúcio, Silvio e Willian Santos (Dionísio); Maicon, Edimar, Diego Aragão e Dinda (Emílio); Tatu (Kleber) e Todinho. Técnico: Guilhermino Lima.

Cartões amarelos : Patric, Uillian Correia (VIT) . Maicon, Willian Santos, Diego Aragão, Tatu e Lúcio (VIT C)

Cartões vermelhos: Lúcio (VIT C)

 O vereador de Salvador Edvaldo Brito é suspeito de ter recebido R$ 200 mil para campanha eleitoral de 2010 por meio do departamento de propinas da Odebrecht, quando concorria ao cargo de senador.

O ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou as investigações a partir do pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. A PGR fez o pedido com base nas delações dos ex-executivos da Odebrecht.

De acordo com o inquérito, o ex-diretor de relações institucionais da empresa Cláudio Melo foi quem informou que houve apoio financeiro por parte do Grupo Odebrecht, no contexto das eleições do ano de 2010.

O repasse dos valores teria sido feito por José de Carvalho Filho, ex-funcionário da construtora, que teria disponibilizado R$ 200 mil para Edvaldo Brito, e outros R$ 100 mil para a campanha do filho dele, Antônio Brito. Os pagamentos teriam sido implementados por meio do Setor de Operações Estruturadas da empresa, responsável pelo pagamento de propinas.

Por meio de nota, Antonio Brito e Edvaldo Brito declararam que recebem a notícia da autorização para apuração dos fatos relativos à eleição de 2010 com total serenidade, uma vez que, segundo eles, se trata de procedimento legal, no qual será possível apurar a verdade dos fatos. Destacam, ainda, que doações eleitorais recebidas, relativas a campanha de 2010, foram declaradas e aprovadas nas prestações de contas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 O ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou a abertura de 76 novos inquéritos ligados à operação. Os despachos foram assinados no dia 4 de abril e divulgados ontem (11). Com a autorização da abertura dos inquéritos, as 108 pessoas, incluindo 83 políticos, passaram à condição de suspeitos investigados no Supremo. Mas um longo caminho processual ainda deve ser percorrido antes que possam ser, porventura, condenados ou absolvidos. Investigações: Como os inquéritos são de responsabilidade do STF, caberá agora ao Ministério Público Federal (MPF) conduzir as investigações. Sob a supervisão do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, uma equipe de procuradores deverá tomar providências para a produção de novas provas contra os suspeitos. Cada passo da investigação, como a realização de diligências policias, por exemplo, deverá ser autorizado pelo ministro Fachin. Nos inquéritos abertos agora pelo STF, Janot já havia incluído em suas petições as solicitações de autorização para que, em cada caso, novas diligências fossem realizadas pela Polícia Federal.

Fachin deu 30 dias à PF para que cumpra cada uma dessas providências iniciais. Daqui em diante, outras diligências poderão ser solicitadas pelo MPF, de modo a acrescentar novos elementos aos autos do processo. As defesas dos suspeitos também podem fazer pedidos a Fachin, como por exemplo que se junte provas favoráveis aos suspeitos. Não há prazo para a conclusão das investigações. No momento em que julgar haver elementos suficientes de que o suspeito de fato cometeu algum crime, a acusação oferece uma denúncia.

Foro privilegiado

No caso dos políticos com foro por prerrogativa de função no STF, somente o procurador-geral da República está apto a oferecer as denúncias. Ele pode também, conforme o caso, considerar que não há elementos suficientes para comprovar o crime, e pedir o arquivamento. Após a denúncia chegar ao STF, os ministros da Segunda Turma da Corte, colegiado responsável por analisar as questões relativas à Lava Jato, devem analisar se aceitam a acusação ou se ela é improcedente. No caso dos presidentes da Câmara e do Senado, caberá ao plenário do tribunal decidir. Se a denúncia for aceita, somente então o suspeito passa à condição de réu acusado de ter cometido crime previsto no Código Penal. Se for recusada, o caso é arquivado. Com a aceitação da denúncia, o inquérito criminal passa à condição de Ação Penal (AP), que possui uma série de prazos específicos para a apresentação de recursos e solicitação de diligências. O primeiro passo da AP é a abertura da fase de instrução, em que o juiz analisa as provas disponíveis, interroga testemunhas de acusação e defesa e avalia a necessidade de coleta de elementos adicionais. Após o final da fase de instrução do processo, contam-se novos prazos para defesa e acusação se manifestarem em alegações finais e, só então, o caso pode ser julgado em seu mérito pelos ministros do STF. 

Entrevistas
Entrevista com o Ex-Prefeito de Governador Mangabeira, Antonio Pimentel
Galeria de Fotos
Muritiba: Final do Campeonato Interbairros 2015


Mídia TV
VT Prefeitura de Muritiba: Mais de 250 famílias recebem água no Pernambuco
Mural de Recados
simone escreveu para planejar concursos
"Bom dia, gostaria de uma justificativa da empresa pois, estou tentando a horas realizar minha inscrição no concurso e até o momento não obtive êxito, o que está ocorrendo com o site. Agradeço desde de já."
curioso, Governador Manga escreveu para Anderson Bella
" Anderson em nossa cidade a coisa pegou fogo na escolha do presidente da câmara a situação esperava uma coisa e foi outra dai a edil da situação baixou o nível como é peculiar da parte dela afinal é filha da prefeita e acha q todos tem q obedecer a ela mas quebrou a cara . tomara as coisas comecem a mudar em nossa cidade pq parece q n temos governantes. obrigado "
Podcast
Duda Macedo, Jorge França e o Ovo
Prefeito Duda Macedo discute ao vivo com radialista